A Doença como Linguagem da Alma

Em ‘A doença como linguagem da alma’, são enumerados sintomas, de doenças tais como esclerose múltipla, epilepsia, mal de Parkinson e de Alzheimer, bem como degenerações de tireoide, problemas da coluna vertebral e de outras articulações, moléstias da próstata, infecção por herpes e até mesmo problemas aparentemente banais, como queda de cabelo, frieiras e verrugas. Os sintomas são descritos de maneira que a própria pessoa afetada possa entender o seu significado. O tema do câncer é abordado outra vez, sendo consideravelmente aprofundado, sobretudo aquele que mais frequentemente atinge as mulheres, o câncer de mama. Um bom conhecimento dos sintomas pode proporcionar ao doente uma vida inteiramente nova.